Motorista suspeito de ter atropelado e matado uma mulher se apresenta a polícia, em Paracatu t> Visite-nos no Google+
noticias
http://paracatunews.com.br
loading
12/01/2018, 16:57:45
6ce8855960db16885ddb9041a875320e.jpg
Motorista suspeito de ter atropelado e matado uma mulher se apresenta a polícia, em Paracatu
O suspeito de 22 anos disse a polícia que fugiu do local por notar grande aglomeração de pessoas

Motorista suspeito de ter atropelado e matado uma mulher de 51 anos, se apresentou a polícia nesta quinta-feira (11) em Paracatu. Um homem de 22 anos é suspeito de ter atropelado a dona de casa Eliane de Fátima Batista Dos Santos, e de não ter prestado o devido socorro a Vítima.

O acidente foi registrado na noite do último domingo (7) por volta das 22hs, no cruzamento das ruas Ricardo Adjunto com Joel Batista de Oliveira, no bairro Paracatuzinho.

Eliane foi atropelada ao tentar atravessar a rua, sendo socorrida pela equipe de resgate do Corpo de Bombeiros ao pronto socorro, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo antes mesmo de dar entrada no Hospital Municipal.

Durante investigações, a Polícia Civil conseguiu identificar o suspeito de ter atropelado e matado Eliane, e fugido do local do acidente em seguida.

Segundo o Delegado Regional de Paracatu, Dr.Carlos Henrique, o suspeito confessou que teria atropelado a vítima, e não possuía carteira de motorista. O suspeito ainda disse que fugiu do local ao notar grande aglomeração de pessoas.Após ser ouvido o suspeito foi liberado.

Ainda segundo o Delegado, o suspeito responderá por homicídio culposo na direção de veículo automotor, quando não se tem a intensão de matar, mas com a pena agravada em razão de ser inabilitado e pelo fato de ter fugido do local sem prestar socorro à vítima. Por não ter sido preso em flagrante, e por não caber prisão preventiva em crime de homicídio culposo no trânsito, o suspeito só poderá ser preso ao final do processo e se for condenado. - Afirmou o Delegado.

O veículo do suspeito ainda não foi apreendido, mas será apresentado para realização de perícia. Já o inquérito policial será finalizado em até 30 dias e encaminhando à Justiça. - Disse. 

 

Paulo Sérgio/Paracatunews

Foto: Arquivo pessoal/ Facebook