Assalto a fazenda termina com criminoso preso pela PM em Paracatu t> Visite-nos no Google+
noticias
http://paracatunews.com.br
loading
10/01/2018, 16:10:54
ceee02c6b904549fd89c732ab76c1582.jpg
Assalto a fazenda termina com criminoso preso pela PM em Paracatu
A vítima de 58 anos chegou a ser amarrada e agredida por criminosos.

Um assalto a fazenda terminou com um criminoso preso na madrugada de ontem (9) na Região de Santa Bárbara, zona rural de Paracatu.

De acordo com a Polícia Militar (PM) os militares receberam informações que estava ocorrendo um assalto em uma fazenda, e que criminosos haviam roubado uma caminhonete GM/Chevrolett D20, além de vários pertences da vítima.

Durante deslocamento para a fazenda, os militares depararam com a caminhonete roubada acompanhada de outro veículo GM/Corsa seguindo  em sentido contrário às viaturas policiais. Neste momento, um dos criminosos que conduzia o Corsa tentou fugir dos militares, mas perdeu o controle da direção do veículo e acabou batendo contra um barranco. Após o acidente, os criminosos desceram do veículo e fugiram para um matagal, não sendo possível localizá-los naquele momento. Já o suspeito de 18 anos que conduzia a caminhonete roubada foi abordado e preso em flagrante.

Ainda de acordo com a PM, a vítima de 58 anos relatou que estava na propriedade rural, quando chegou ao local indivíduos, os quais passaram a jogar pedras contra a residência e anunciando o assalto determinando que a vítima abrisse as portas do imóvel. Neste momento os criminosos forçaram e abriram a porta da residência e, mediante grave ameaça, agressões físicas e armados com tipo de espingarda, conseguiram dominar e amarrar a vítima, roubando vários pertences da vítima. A vítima precisou de atendimento médico, sendo socorrida ao pronto socorro.

O suspeito de 18 anos disse aos militares que não conhecia os outros envolvidos no roubo, mas que seriam oriundos da cidade de  Brasília-DF. A polícia segue com os rastreamentos, para identificar e prender os outros criminosos.

 

Paulo Sérgio/Paracatunews

Foto: Divulgação / Polícia Militar