Paracatu vence o Cruzeiro por 1 a 0 no Frei Norberto e pula para a 6ª posição Visite-nos no Google+
noticias
http://paracatunews.com.br
loading
06/02/2015, 01:21:36
eff53d1d0fcd341b02bdaeb726b0db01.jpg
Paracatu vence o Cruzeiro por 1 a 0 no Frei Norberto e pula para a 6ª posição
Muita chuva, paralisou o jogo por 38 minutos. No próximo domingo (8) ,Paracatu visitará o Sobradinho no estádio Augustinho Lima.

Muita chuva, jogo paralisado por 38 minutos e lambança da arbitragem. Assim pode ser resumida a dramática vitória do Paracatu por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, na tarde desta quinta-feira (5), no estádio Frei Norberto, pelo fechamento da quarta rodada do Campeonato Brasiliense. O zagueiro Alisson foi o autor do único gol do jogo, aos 21 minutos do segundo tempo.

As fortes chuvas que caíram na cidade mineira obrigaram o árbitro José Neto a interromper a partida pouco antes da metade do primeiro tempo. Depois de 38 minutos de espera (das 16h27 às 17h05), a arbitragem, em comum acordo com representantes das duas equipes, apitou o reinício do jogo. Com poucas finalizações, o primeiro tempo terminou sem as redes balançarem.
1476139_863387443724071_5344925262508625749_n
Na etapa complementar, o Paracatu voltou melhor e conseguiu marcar o gol da vitória aos 21 minutos, quando a equipe da casa já estava com um homem a menos em campo, depois da expulsão do zagueiro Binha. Com a vitória, o time mineiro chegou a seis pontos e assumiu a 6ª posição. O Carcará do Cerrado é o 9°, com três pontos.

Lambança
Antes do fim do jogo, sobrou tempo para uma lambança protagonizada pela arbitragem. Após cometer uma falta próxima a lateral do campo, o zagueiro Santiago, do Cruzeiro, foi advertido com o cartão amarelo. Confuso, o bandeirinha número 2, Lucas Modesto, chamou o homem do apito e o informou que o beque cruzeirense já havia sido amarelado antes e por consequência deveria ser expulso. José Neto, então, mandou o jogador para o chuveiro e o bate-boca começou.

Depois de muita contestação da expulsão por parte do Cruzeiro, o juiz atravessou o campo e foi consultar o outro bandeirinha (Ciro Chaban) e o quarto árbitro (Jorge André). Os dois ratificaram a expulsão. Ao retornar à posição da falta, José Neto foi chamado pelo delegado da partida, Rodrigo Paulino, que de forma correta corrigiu o erro e salvou a arbitragem. Dessa forma, Santiago foi chamado novamente para o campo de jogo e a partida pôde continuar normalmente. Restou ao time da casa segurar a vantagem e garantir os três pontos.

No próximo domingo (8), o Paracatu visitará o Sobradinho no estádio Augustinho Lima, enquanto o Cruzeiro estará de folga na quinta rodada.

Deu Colorado
No outro jogo desta quinta, o Brasília derrotou o Sobradinho por 1 a 0, no Serejão. Bruno Morais, de falta, marcou o único gol do jogo. Com a terceira derrota em quatro jogos, o técnico Humbero Matos foi demitido pela diretoria do Leão da Serra.

Todos os cinco jogos da quarta rodada terminaram com o mesmo placar: 1 a 0.
Gama 1×0 Luziânia
Formosa 1×0 Ceilandense
Brasiliense 1×0 Santa Maria
Brasília 1×0 Sobradinho
Paracatu 1×0 Cruzeiro

Fonte e Fotos: Candangao.com.br